12 de março de 2013

Palavras de força





E porque tudo neste momento é literalmente incerto e tão pouco risonho, rodeio-me de palavras que me orientem no sentido do meu coração, ou seja, não me desviar dos objectivos traçados, mesmo que o que nos dizem as noticias todos os dias seja mais de fugir que outra coisa. Não será concerteza por causa disso que todas aquelas palavras que só por elas carregam verdadeiros significados devam ser esquecidas e dar lugar á falta de discernimento, que ultimamente paira por esse país fora.
Precisamos de acreditar, como dizia Michael Neill, o pior que nos pode acontecer é um pensamento. E neste momento é preciso acreditar, pensar positivo e pôr a criatividade a funcionar

1 comentário:

Maria da Gloria Glória Tavares disse...

Amei seu trabalho. Mimoso ,precioso e calmo. Parabéns.