19 de maio de 2009

que delicia....

Se não puderes ser um pinheiro, no topo de uma colina,
Sê um arbusto no vale mas sê
O melhor arbusto à margem do regato.
Sê um ramo, se não puderes ser uma árvore.
Se não puderes ser um ramo, sê um pouco de relva
E dá alegria a algum caminho.

Se não puderes ser uma estrada,
Sê apenas uma senda,
Se não puderes ser o Sol, sê uma estrela.
Não é pelo tamanho que terás êxito ou fracasso...
Mas sê o melhor no que quer que sejas.
Pablo Neruda

1 comentário:

Pensador disse...

Comento-te este texto, porque sabes que gosto de escrever e deste tipo de textos [e este está fenomenal]. Mas poderia comentar todos os outros, pois sabes que aqui o teu irmão te acompanha sempre e tem estado empenhado no teu sucesso.
Quando consegues vender as tuas coisas ou dás um passo rumo ao teu sucesso, encho-me de alegria.
Sei, que o teu sucesso é uma questão de tempo e já sabes que ajudarei com todas as forças e com a minha energia.

Um beijo do teu irmão José